Colegas de taxista morto em assalto protestam e bloqueiam rua, em Curitiba

Compartilhe:

Conforme a delegada Camila Ceconello, as investigações estão em andamento e novidades devem ser apresentadas nos próximos dias

Taxistas protestaram no Centro de Curitiba nesta sexta-feira. Eles bloquearam a Rua Francisco Torres por cerca de uma hora para pedir mais rigor nas investigações da morte de um colega, alvo de seis tiros.

Segundo o que foi apurado pela imprensa, Sergio Rodrigues tinha quase 30 anos de profissão quando foi baleado, no bairro Uberaba. O corpo dele permaneceu no local e o veículo foi encontrado em São José dos Pinhais. Duas mulheres teriam sido vistas saindo do carro, no bairro Afonso Pena.

O irmão da vítima esteve na Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) e disse que a categoria está abalada. “Ele tinha muitos amigos, trabalhava muito na rodoviária. A categoria reivindica a justiça. Ele sempre foi uma pessoa do bem, não tinha inimizades e trabalhava muitas horas para sustentar a família”, afirmou Djalma Rodrigues, que também é presidente do Sindicato dos Taxistas do Paraná.

“Já temos bons elementos de convicção. Não podemos falar muito para não atrapalhar o bom andamento das investigações. Muita coisa já foi feita e nos próximos dias teremos novidades para conseguir elucidar esse caso”, explicou a delegada Camila Ceconello.

Edição Impressa

Videos